Santuário Nossa Senhora da Piedade

Assuntos tratados pelo Colégio de Consultores e Conselho de Presbíteros

COLÉGIO DE CONSULTORES – 15/02/2019

Assuntos tratados:

1- Côn. Émerson Rogério Anizi, Ecônomo Arquidiocesano apresentou, por
escrito, a atual situação econômica da Arquidiocese e os novos valores das
Taxas para os Sacramentos e Certidões em geral, que são estabelecidos
pela Cúria Arquidiocesana.
Quanto à Taxa para ao Sacramento do Matrimônio o Colégio de
Consultores determinou o que segue:

1- A Taxa para o Sacramento do Matrimônio em todas as
Paróquias da Arquidiocese é de R$ 400,00.
2- No caso de Transferência, o valor a ser cobrado onde é
realizado o Processo Matrimonial é de R$ 150,00. Na Paróquia
onde será realizado o Matrimônio, o valor a ser pago é de R$
250,00.
3- Cada Paróquia decide se aceita ou não realizar o Matrimônio
com efeito civil.
4- Se a Paróquia quiser realizar o Matrimônio com efeito civil, o
valor é de R$ 400,00 com um acréscimo de R$ 200,00. Ou seja,
R$ 600,00.
5- No caso de Matrimônio celebrado num outro lugar, que não
seja a igreja Matriz ou uma Capela da Paróquia para esse fim
destinada, o valor é de R$400,00, mais um acréscimo de R$
800,00. Ou seja, um total de R$ 1.200,00. OBS – Esse valor, no
entanto, é da Paróquia e não do Padre ou do Diácono que
assistiu ao Matrimônio.
6- Cada Paróquia estabelece suas Taxas para os grupos
profissionais que executam suas funções durante a celebração
do Matrimônio, como exemplo filmagem, ornamentação,

cantores… O mesmo vale quanto ao valor do cheque caução, no
caso de atraso.

2- Côn Émerson Rogério Anizi, Ecônomo Arquidiocesano também
informou aos membros do Colégio de Consultores que continua o estudo
dos valores das Taxas de contribuição mensal das Paróquias à Cúria
Arquidiocesana, inclusive com uma proposta pessoal do Arcebispo, que
está também sendo avaliada. Os novos valores serão apresentados, o quanto
antes, e passarão a ser efetuados a partir de julho de 2019.

3- Côn. Émerson Rogério Anizi informou ainda a respeito dos
procedimentos que estão sendo executados em relação ao contrato entre a
Arquidiocese de Botucatu e a Empresa Mulotto para a construção dos 4
Edifícios em terreno da Arquidiocese, nas condições já aprovadas e de
todos conhecidas, na forma de resumo de reuniões anteriores. Dados mais
detalhados serão apresentados numa próxima Reunião Geral do Clero.

4- Dom Maurício Grotto de Camargo, Arcebispo Metropolitano
apresentou o modelo de Convênio ou Contrato que será celebrado entre a
Arquidiocese de Botucatu e a Prelazia de Itaituba, PA, onde estarão
exercendo o Ministério Presbiteral os atuais Diáconos da Arquidiocese de
Botucatu, Carlos Eduardo Rodrigues e Ricardo Vieira Pinto. Após algumas
observações e sugestões o projeto foi aprovado.

5- O Arcebispo também apresentou a proposta de uma Campanha
Arquidiocesana como forma de colaboração eclesial e fraterna com a
Diocese de Pemba, Moçambique. O assunto continuará a ser tratado na
próxima reunião do CAMP, dia 07/03, e nas reuniões das RPs,
coordenadas pelos seus respectivos Padres Coordenadores.

6- Pe. Edélcio Augusto Soares, Pároco da Paróquia Nossa Senhora de
Fátima de Avaré, apresentou o projeto, já aprovado pelo CMPP e CAP da
dita Paróquia, de construção de um Estacionamento no terreno localizado
na frente da igreja Matriz. Considerando esses dados e a justa necessidade
de espaço, o Colégio de Consultores confirmou a decisão tomada pela
Paróquia.

7- Pe. Paulo Bronzato da Silva, Pároco da Paróquia Menino Deus, em
Botucatu, atualizou os dados do projeto de construção do Centro de
Pastoral que a Paróquia está elaborando, agora, com a possível aquisição de

um terreno situado mais próximo da igreja Matriz e a venda de um outro,
um pouco mais distante, de propriedade da Mitra Arquidiocesana de
Botucatu/ Paróquia Menino Deus. Avaliando todas as informações
apresentadas pelo Pároco, o Colégio de Consultores autorizou as devidas e
necessárias aquisição e venda.

8- O Colégio de Consultores, acolhendo pedido do Arcebispo, aprovou
uma doação feita pela Arquidiocese de Botucatu ao Mons. Carlos José de
Oliveira, no valor de R$ 5 mil reais.

Pe. José Hergesse – Secretário do Colégio de Consultores

CONSELHO ARQUIDIOCESANO DE PRESBÍTEROS – CAPRE

15/02/2019

Resumo:
1- Confirmados o Retiro do Clero, em Agudos, de 05 a 09 de agosto de
2019 e a Atualização do Clero, também em Agudos, de 21 à 24 de
outubro de 2019.

2- Confirmada, com a chegada do documento da Congregação dos
Religiosos, a Incardinação canônica na Arquidiocese de Botucatu,
do Pe. Francis Njoroge Gichui, atual Pároco da Paróquia Santo
Expedito, em Avaré.

3- Dom Maurício Grotto de Camargo, Arcebispo Metropolitano,
comunicou oficialmente a nomeação, por ele feita, do Pe. José
Francisco Antunes, Pároco da Paróquia São Pio X, em Botucatu,
para a função de Vigário Geral da Arquidiocese de Botucatu.
Pe. Adauto José Martins – Representante dos Presbíteros e
Secretário do CAPRE

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *