Santuário Nossa Senhora da Piedade

Santuário

Nossa Senhora da Piedade

Arquidiocese de Sant'Anna de Botucatu - Lençóis Paulista SP

Dia de Beleza e Carinho

Na tarde da última quarta-feira, 19 de Setembro, a professora Adriana Lenci, juntamente com suas alunas do curso de maquiagem, oferecido pela pela SEDECON e CMFP, estiveram no Lar Nossa Senhora dos Desamparados, levando um dia de beleza e muito carinho para as senhoras que residem no local.

A visita foi devido à convite dos alunos do SESI, que proporcionaram uma tarde com atividades, jogos, resenha sobre a vida, música e muita beleza.

Parabéns alunos e alunas por esta ação de amor e cidadania realizada em nosso município!

https://www.facebook.com/centro.doempreendedor

Início da Escola Arquidiocesana de Formação

Começa neste sábado dia 22 de setembro a partir da RP1 (Região de Botucatu) e RP2 (Região de Avaré) a Escola Arquidiocesana de Formação.

Segundo a proposta, cada Paróquia deve enviar 5 agentes para que possam assimilar os conteúdos e depois transmitirem em suas comunidades esses mesmo conteúdos.

REGIÃO PASTORAL 4 – LENÇÓIS PAULISTA

1º encontro: Kerígma – 06/10 sábado das 08:30 as 11:30 hs
2º encontro: Conversão – 20/10 sábado das 08:30 as 11:30 hs
3º encontro: Discipulado – 25/10 quinta feira das 19:30 as 22:30hs
4º encontro: Comunhão -07/11 quarta feira das 19:30 as 22:30 hs
5º encontro: Missão – 24/11 sábado das 08:30 as 11:30 hs
Local: Santuário Nossa Senhora da Piedade, com entrada pela Rua Anita
Garibaldi.
Coordenador Regional da CAF: José Roberto Bazzuco – Fone: 99714-2547
E.mail: jrbazucco@yahoo.com.br

Pedaladas, almoço e show de samba marcam final de semana

Evento segue até o dia 16, com diversas celebrações religiosas e festividades
A Festa da Padroeira de Lençóis Paulista chega ao segundo final de semana com diversas atrações e celebrações religiosas em louvor a Nossa Senhora da Piedade, padroeira do município. Além da quermesse que acontece na estrutura montada na Praça Comendador José Zillo (Concha Acústica), com diversas barracas de comidas e bebidas e apresentações artísticas, os próximos dias da festa reservam uma programação bastante variada.
Pedaladas, almoço e show de samba marcam final de semana
O destaque deste sábado (8) fica por conta do show com o grupo de samba paulistano Demônios da Garoa, que se apresenta no palco da Concha Acústica a partir das 21h30, com patrocínio das cooperativas Unimed, Cooperelp, Camda e Sescoop.
No domingo (9) serão realizados dois passeios ciclísticos: o 4º Bike Pietá, a partir das 8h30, com percurso entre Igaraçu do Tietê e Lençóis Paulista, e o Pedalando com Nossa Senhora, a partir das 10h30, com saída do Santuário Nossa Senhora da Piedade e trajeto pelas ruas da cidade.
Também no domingo (9), a partir das 12h, será servido um delicioso almoço mineiro no salão de festas do Santuário, com direito a todos os pratos típicos. O valor das adesões é R$ 30. As reservas podem ser feitas no escritório paroquial. No dia do almoço as pessoas podem comer no local ou retirar os pratos pelo serviço de delivery.
Dentro da programação religiosa, além da celebração das 15 mil Ave Marias, que segue até o sábado (15), com orações todos os dias, em dois horários (das 8h às 11h e das 13h às 16h), neste sábado (8), tem o início da Semana das Graças, que segue até o dia 15; missa dos enfermos e idosos, a partir das 15h; e a missa com a Orquestra de Viola e Violão Boca do Sertão, a partir das 19h30.
http://www.jornaloeco.com.br

Setor Juventude envia carta aos párocos e jovens da Arquidiocese

O Setor Juventude de nossa Arquidiocese, dando continuidade ao trabalho de implantação e desenvolvimento do Setor Juventude nas paróquias, enviou uma Carta aos Párocos, coordenadores juvenis e aos demais jovens de nossas comunidades, convocando-os a eleição das coordenações dos Setores da juventude nas respectivas paróquias, bem como a responderem um questionário para que possa conhecer as diversas expressões jovens de nossa Arquidiocese.

VEJA A CARTA NA ÍNTEGRA:

CARTA AOS PÁROCOS E COORDENADORES DOS SETORES PAROQUIAIS

Reverendíssimos Párocos, estimados coordenadores juvenis e prezada juventude

1. O Santo Padre convocou para outubro próximo o Sínodo dos Bispos sobre o tema “Os jovens,
a fé e o discernimento”. Assim, percebemos a intenção do Santo Padre em colocar a juventude
no centro das reflexões da Igreja. Podemos enumerar três finalidades para este Sínodo,
apontadas pelo Romano Pontífice: 1. Cuidar dos jovens como tarefa fundamental da Igreja; 2.
O rejuvenescimento do rosto da Igreja com a presença e a palavra dos jovens na Igreja; 3.
Acompanhar os jovens em seu caminho de discernimento vocacional nesta mudança de épocas,
procurando novos caminhos, percorrendo-os com audácia.

2. Neste sentido, o Setor Juventude de nossa Igreja Particular, visando colaborar com a
pluralidade de pastorais, grupos, movimentos e serviços que existem em nossa Arquidiocese
para que trabalhem em conjunto, visando ainda o bem e a evangelização de nossa juventude em
todas as suas expressões, para que assim tornem-se sujeitos e protagonistas, contribuindo com
a ação de toda Igreja, especialmente na evangelização de outros jovens, pretende ser espaço de escuta, articulação, partilha e instrumento que contribua com a Evangelização de nossa juventude.

3. Neste trabalho, estamos cientes, conforme constatou o Papa Francisco, em sua Exortação
Apostólica Evangelii Gaudium, a pastoral juvenil, como estávamos habituados a desenvolvêla,
sofreu o impacto das mudanças sociais. Neste contexto, continua o Romano Pontífice, existe:
“A proliferação e o crescimento de associações e movimentos predominantemente juvenis
podem ser interpretados como uma ação do Espírito que abre caminhos novos em sintonia com
as suas expectativas e a busca de espiritualidade profunda e dum sentido mais concreto de
pertença. Todavia é necessário tornar mais estável a participação destas agregações no âmbito
da pastoral de conjunto da Igreja.”

4.Neste caminho de integração da nossa juventude, o discernimento é o instrumento pastoral
capaz de identificar as estradas possíveis a serem propostas à nossa juventude, e ainda mais,
pode oferecer orientações e sugestões que sejam fruto que permita seguir o Espírito. O segundo
instrumento é escutar nossa juventude, pois conhecer a juventude é condição prévia para
evangelizá-los. Assim, a Igreja no Brasil, por meio documento, Evangelização da juventude:
desafios e perspectivas pastorais, afirma: “Não se pode amar nem evangelizar a quem não se
conhece. Por esse motivo, iniciamos com alguns elementos das realidades juvenis, buscando
conhecer a geração de jovens cuja evangelização se apresenta como um dos grandes desafios
da Igreja neste início do século XXI. É necessário ter em conta a variedade de comportamentos
e situações da juventude hoje e a dificuldade de delinear um único perfil da mesma no mundo
e no Brasil.”

5. Desta forma, queremos escutar a juventude de nossas comunidades, primeiramente
conhecendo os seus rostos, suas diversas manifestações e contribuições nas Paróquia.
Inspirados pelo Instrumento laboris que será utilizado no Sínodo, buscaremos estruturar este
caminho no processo de discernimento, descrito na Evangelii gaudium 51: reconhecer,
interpretar, escolher. As partes não são, portanto, independentes, mas constituem um percurso.

6. Precisamos também para este processo que cada Paróquia tenha seu coordenador do Setor
Paroquial. Este tem como missão articular as pastorais juvenis existentes na Paróquia; convocar
as reuniões paroquiais para discussão, programação de atividades que podem ser realizadas em
conjunto entre os jovens; comunicar e incentivar a participação dos jovens em atividade
regionais ou arquidiocesanas; e, quando convocado, participar das reuniões regionais e
arquidiocesanas. No intuito de colaborar com o Coordenador, caso julgue necessário, o pároco
ou o próprio coordenador eleito, pode nomear um secretário. Pedimos que o Pároco, vendo sua
realidade paroquial, procure um jovem para a Coordenação do Setor Juventude Paroquial, pode
também reconduzir o Coordenador do Setor Juventude para mais um mandato, ou ainda pedir
que os jovens reunidos elejam um nome para Coordenar o Setor. Esse nome deverá ser
apresentado no DNJ, no dia 21 de outubro na cidade de Avaré.

7. Enfim, diante da realidade complexa, diversa e desafiadora da juventude somos chamados,
inspirados em Jesus, a ter um amor incondicional por todos e a propor aos nossos jovens que,
no desejo de vida eterna, nos procuram (Mt 19,16), seguindo a resposta que o Senhor dá aos
seus primeiros discípulos: “Vinde e vede”(Jo 1,38-39), conduzindo-os a um caminho de
discipulado de Cristo.

Lençóis Paulista, 03 de setembro de 2018
Memória de São Gregório Magno, Papa e Doutor

Pe Rafael Antonio Paixão Soares
Assessor Arquidiocesano do Setor Juventude

Fabiano Ribeiro Maranho
Coordenador Arquidiocesano do Setor Juventude


1 INSTRUMENTO LABORIS 1
2 Doc. 85. Evangelização da juventude: desafios e perspectivas pastorais,
3 EXORTAÇÃO APOSTÓLICA EVANGELII GAUDIUM: SOBRE O ANÚNCIO DO EVANGELHO NO MUNDO ATUAL
4 Documento 85 . Evangelização da juventude: desafios e perspectivas pastorais.
5 Instrumento Laboris 3

http://arquidiocesebotucatu.org.br

Ação Social de Agosto 2018

ASSOCIAÇÃO NOSSA SENHORA DA PIEDADE

0
PACOTES DE FRALDAS GERIÁTRICAS DISTRIBUIDOS

GRUPO DE COSTURA

0
PEÇAS DE ROUPAS OFERECIDAS

PASTORAL DA SOBRIEDADE

0
PESSOAS ATENDIDAS

PASTORAL DO IDOSO

0
IDOSOS VISITADOS

A PARÓQUIA

0
REFEIÇOES OFERECIDAS

PROJETO “ACOLHE + MÃE DA PIEDADE”

0
PESSOAS ATENDIDAS

“Mãe da Piedade, pelas vossas dores, abençoai nossas famílias e intercedei para que nunca falte o pão de cada dia e a generosidade da partilha. Amém”